BMW M2 Turbomeister Edition é o M2 CSL não oficial

BMW M2 CSL Turbomeister Edition View Gallery 12 photos

Exemplar único é 110 cv mais potente e 110 kg mais leve face ao M2 Competition.

Os rumores da aposta num M2 CSL (F87) subsistiram durante algum tempo, contudo a BMW ficou-se “apenas” pelo CS (uma edição limitada a 2200 unidades foi lançada em novembro de 2019) com referência do M2. Isto abriu caminho para que vários “curiosos” e preparadores dessem azo à sua imaginação. Uma das criações que mais se aproxima de um possível M2 CSL é este M2 Turbomeister Edition que vê nas imagens. Criado por Marc Rutten (um fã holandês da BMW conhecido pelo nickname de @Shmarc150 no Instagram) em conjunto com o departamento de design da marca, este “one-off” conta várias medidas que lhe permitiram reduzir ao todo em 110 kg o peso final do conjunto – tornando este M2 Turbomeister quase tão leve como o M3 CSL E46, o carro preferido de Rutten. Neste caso utilizou um tejadilho, capot e tampa da bagageira em fibra de carbono da Alpha-N-Performance, umas jantes de 19 polegadas BBS, um sistema de travagem de alta performance Nashin (16 kg mais leve) com pinças de seis êmbolos no eixo dianteiro e pneus Michelin Pilot Sport Cup 2. As saias laterais em preto mate foram feitas pela AC Schnitzer.

O Turbomeister é feito com base no M2 de 2016 e recebeu várias modificações, sendo que a mais importante é o “upgrade” do motor 3.0 de seis cilindros biturbo S55, que depois de ter sido trabalhado pelos holandeses da Beek Auto Racing. A complementar, este M2 especial beneficiou de um escape em titânio dos eslovenos da Akrapovic e um sistema de admissão em carbono da Eventuri. Resultado: passou a debitar 520 cv e 660 Nm (mais 110 cv e 110 Nm do que na versão original). O carro recebeu ainda um novo kit de suspensão da AST Suspension, que visou melhorar o comportamento e o conforto. Ainda no capítulo da performance, os britânicos da Defined Coding produziram o software específico para a caixa de velocidades e para o diferencial.

O visual único é da assinatura de outra firma britânica, a Topaz Detailing. A inspiração estética vem do 2002 Hommage concept de 2016. Para o efeito foi utilizada uma decoração que combina preto e o cor de laranja histórico Inka22. O aspeto final ficou muito próximo dos modelos de turismo que correm com o patrocínio da Jägermeister.

Por dentro, destaque para o logótipo iluminado no solo quando se abrem as portas, revestimentos em Alcantara e couro no volante, que possui uma marca em vermelho às 12h e patilhas específicas. Realce ainda para o punho da caixa e do travão de mão em couro e Alcantara, pedais M Performance e para o ecrã adicional no topo do tablier que exibe informação de diagnóstico adicional.

Deixe uma resposta

*