Nova pick-up elétrica Canoo tem 608 cv

Canoo pick-up View Gallery 13 photos

Modelo concorrente do Tesla Cybertruck, Hummer elétrico e Rivian R1T chega em 2023.

O filão das pick-up elétricas acaba de ganhar mais um potencial concorrente. Aos já anunciados Tesla Cybertruck, Hummer elétrico, Rivian R1T, Ford F-150 BEV, Lordstown Endurance e Chevrolet EV pick-up juntar-se-á a Canoo. Esta nova proposta tem lançamento previsto para o início de 2023 e é feita a partir da mesma plataforma criada pela start-up californiana e já aplicada numa “mini-van” e num modelo comercial. Talvez por isso este novo modelo da Canoo divirja do formato de pick-up tradicional, não tendo um “capot” mas em vez disso um nariz direito ligado a um para-brisas convexo. O que o converte numa pick-up é a caixa de carga. Além disso, este modelo de visual futurista apresenta um conjunto de soluções práticas inovadoras.

Tudo começa num compartimento de carga extensível do lado esquerdo do carro, à frente da roda traseira – que pode servir para transportar uma mala térmica ou um kit de primeiros socorros, por exemplo. A juntar a isso, a própria caixa de carga pode oscilar entre 1,81 metros de comprimento (com a tampa da mala fechada) até um máximo de 2,60 m. As laterais da caixa de carga podem dobrar para baixo para serem usados como mesa ou abrir espaço para transportar objetivos de grande porte. As virtudes desta pick-up elétrica da Canoo não se ficam por aqui, uma vez que a caixa de carga é iluminada, a zona de carga pode ser compartimentada em várias áreas e há várias tomadas para ligar aparelhos elétricos (gastando apenas 10% da carga se estiverem ligados durante um dia inteiro, segundo a marca). Além do mais o modelo pode ser convertido numa tenda de campismo, com a introdução de uma estrutura específica, e pode encaixar compartimentos de carga nas barras de tejadilho. A pick-up terá capacidade para transportar até 1800 kg.

A pick-up de 4677 mm de comprimento, 1980 mm de largura, 1920 mm de altura e 2850 mm de distância entre eixos vem munida de um visual “radical”, com proteções da carroçaria, para-choques reforçados e cavas das rodas reforçadas. Possui jantes de 18 polegadas e pneus de todo o terreno de medida 265/60 R18. Apesar de não ter revelado fotos do interior, sabe-se que a cabine tem espaço para transportar dois ocupantes. Não obstante, o compartimento de carga pode acomodar uma fila de bancos adicional.

A Canoo estará disponível com o formato de tração traseira ou integral. Na variante mais potente, com dois motores (um por eixo), debitará 608 cv e 746 Nm, além de garantir autonomia até 322 km – apesar de os responsáveis da marca acreditarem que será possível rondar os 500 km quando o modelo chegar ao mercado. A pick-up promete ter sistemas “by wire” de direção e de travagem. A Canoo começará a aceitar pré-encomendas no segundo trimestre deste ano.

Há dois anos a Canoo apresentou um comercial elétrico e no ano passado a Hyundai anunciou que irá desenvolver uma plataforma em conjunto com a start-up sediada em Los Angeles. Para já, a Canoo tem 350 pessoas a trabalhar nos novos projetos.

Deixe uma resposta

*