Substituto do Kia Optima é inspirado no Stinger

Kia K5 View Gallery 14 photos

Mais elegante e tecnológico, o familiar passará a chamar-se K5.

A Kia apresentou a nova geração do K5, modelo atualmente conhecido por Optima no mercado europeu. A nova iteração do modelo do segmento D, que assume um formato mais próximo de um coupé de quatro portas que lhe confere um visual mais desportivo, não deverá ser aposta no Velho Continente – segundo adiantou o responsável de operações da Kia na Europa, Emilio Herrera, ao The Korean Car Blog. O Optima atual vendeu 12.202 unidades no mercado europeu em 2019.

A frente do modelo sul-coreano conta com um vidro traseiro achatado com detalhe cromado, aventais pronunciados, difusor e spoiler na traseira, além uma faixa contínua em LED a interligar os grupos óticos. A face deste K5 é similar à do Stinger, com faróis em LED afilados e interligados à grelha do radiador. Há ainda um capot vincado, entradas de ar e aletas como principais traços de caráter. Nas laterais, a berlina exibe linhas igualmente agressivas, com arcos das rodas delineados. O novo K5 tem 4905 mm de comprimento (mais 50 mm), 1860 mm de largura (mais 25 mm), 1445 mm de altura (menos 20 mm) e 2850 mm de distância entre eixos (mais 45 mm). O K5/Optima é feito com base numa nova plataforma N3, a mesma da berlina Hyundai Sonata – o que lhe permite ser mais leve, estável e ter um centro de gravidade mais baixo.

Dependendo do mercado, o K5 contará com um motor 1.6 T-GDI de quatro cilindros turbo a gasolina com 184 cv e 265 Nm, associado a uma caixa automática de oito velocidades, com tração dianteira de série (embora haja pela primeira uma versão de tração integral). No topo da gama figura um 2.5 T-GDI de quatro cilindros turbo a gasolina com 290 cv e 422 Nm, com caixa de dupla embraiagem de oito relações – capaz de cumprir 0-100 km/h em 6 segundos. O condutor dispõe de cinco modos de condução, cuja faixa vai do Eco ao Sport.

Num interior “clean” e simplificado, há uma clara aposta na digitalização com uma instrumentação com ecrã de 12,3 polegadas posicionado atrás do volante de três raios e um ecrã tátil de infotainment com 10,25 polegadas virado para o condutor e compatível com os sistemas Android Auto e Apple CarPlay. Em opção, há um HUD. A consola central de grandes dimensões inclui um apoio de braços com compartimento de arrumação, comando rotativo e conjunto de botões. Os comandos podem também ser efetuados por voz. Destaque para o sistema de carregamento por indução do smartphone, assistente de permanência na faixa, máximos automáticos, assistente de prevenção de colisão de trânsito cruzado, cruise control adaptativo, assistente de prevenção de colisão dianteira e sistema de som ambiente.

Deixe uma resposta

*