Ferrari 250 GTO está à venda

Ferrari 250 GTO

Com um preço base de 65 milhões de euros, o modelo italiano poderá vir a ser o automóvel mais caro de sempre.

Sempre que é colocado à venda um Ferrari 250 GTO, a expetativa cresce entre os amantes de automóveis. Com apenas 36 exemplares produzidos entre 1962 e 1964, o icónico modelo italiano é considerado um dos melhores automóveis alguma vez fabricados. Talvez por essa razão, as duas unidades arrematadas em leilão ao longo da última década acabariam por conquistar sucessivamente o recorde de automóvel clássico mais caro de sempre. Até agora.

Esta semana, um concessionário especializado em modelos clássicos intitulado “Knight International” anunciou no seu site a venda de um Ferrari 250 GTO. Até ao momento, ainda não se conhecem detalhes acerca dessa unidade nem foram divulgadas fotografias que permitam a identificação do modelo. Tudo o que se sabe é que terá um preço base estabelecido nos 65 milhões de euros.

O último exemplar arrematado em leilões ou vendas públicas (com o chassis #3413GT) já havia alcançado o patamar dos 41,6 milhões de euros. O que significa que, caso a venda seja concretizada, o modelo em questão tornar-se-á o automóvel mais caro de sempre.

Deixe uma resposta

*