Ford começou a retirar Mustang Ecoboost da Europa

Ford Mustang

Motor 2.3 de quatro cilindros turbo funciona como versão de acesso à gama.

A Ford resolveu começar a eliminar a opção com motor 2.3 de quatro cilindros turbo Ecoboost de 290 cv do catálogo do Mustang dos principais mercados europeus. Esta medida já foi aplicada na Alemanha, Itália, Espanha e França e irá em breve alargar-se aos restantes países europeus. A marca da Oval Azul está a preterir desta variante de acesso porque representa um volume residual nas vendas no Velho Continente – no Reino Unido, por exemplo, equivaleu a 15% no ano transato. Em Portugal, esta versão ainda está em catálogo com um preço a começar nos 54.878 euros. Curiosamente, o Mustang Ecoboost continuará a estar disponível nos EUA, nos formatos Fastback e Convertible.

Isto significa que em breve restará na gama apenas o Mustang V8 5.0 supercharged Coyote de 450 cv, com caixa manual de seis velocidades, da versão GT, que arranca nos 94.046 euros no mercado português.

Recorde-se que apesar de a sexta geração ter sido lançada em 2014, o Mustang foi o desportivo mais vendido na Europa (com 7.495 unidades), assim como no resto do mundo, em 2020.

Deixe uma resposta

*