Vem aí a versão de produção do Pininfarina Battista

Pininfarina Battista

Hipercarro elétrico é o modelo mais potente de sempre com passaporte italiano.

A Pininfarina está a aventurar-se na produção dos seus próprios modelos e tem como principal cartão de visita o hipercarro elétrico Battista. Depois do protótipo que deu que falar no Salão de Genebra de 2019, eis que será apresentado na próxima semana a versão “production ready” na Monterey Car Week, que se realizará de 6 a 15 de agosto em Pebble Beach, na Califórnia (EUA).

O Battista é feito com carroçaria em fibra de carbono exposta, possui jantes Impulso com acabamento em preto brilhante. Por dentro, este hipercarro vem revestido a couro preto sustentável e com costuras contrastantes em Iconica Blu além de bancos em fibra de carbono revestidos em Alcantara, bem como apontamentos em fibra de carbono exposta. Aquele que é o modelo mais rápido e potente de sempre a ser fabricado em Itália é 100% elétrico. Existem quatro motores (um por roda) alimentados por uma bateria de 120 kWh de capacidade e forma de T que lhe permitem anunciar uma autonomia até 500 km. O sistema propulsor de origem Rimac possui uma potência combinada de 1900 cv e 2300 Nm, possibilitando acelerações de 0 a 100 km/h em menos de dois segundos e 0-300 km/h abaixo dos 12 segundos. A velocidade máxima será de 350 km/h. A suspensão é de triângulos sobrepostos nas quatro rodas, com amortecedores e molas convencionais, além de molas anti-aproximação. Existem cinco modos de condução à disposição.

A apresentação da versão de produção do Battista, um potencial concorrente do Lotus Evija, será acompanhada pelo Battista Anniversario, uma edição concebida para comemorar os 90 anos da Pininfarina da qual serão feitas apenas cinco unidades. O Battista convencional terá uma produção limitada a 150 cópias, sendo que ainda não está esgotado. O preço começa nos 1,85 milhões de euros.

Deixe uma resposta

*