Morgan apresenta versão “off-road” do CX-T

Morgan Plus Four CX-T

Edição limitada deste Plus Four digno do “Mad Max” foi construído em conjunto com a Rally Raid UK que, entre outras coisas, faz carros para o Dakar.

A Morgan fez o mais parecido com um todo o terreno, o Plus Four CX-T. Trata-se de uma edição limitada a oito unidades com especificação para fora de estrada do desportivo com motor de quatro cilindros. Feito com conjunto com a Rally Raid International, que tem por hábito desenhar e construir carros para o Dakar, este Plus Four “off-roader” recebe um conjunto de faróis adicionais na dianteira, viu a traseira ser completamente redesenhada recebendo uma estrutura que encaixa dois pneus suplentes, uma caixa de ferramentas em alumínio Zarges, duas malas Pelican e dois jerricans Rotopax de 11 litros. A Morgan diz que também esta estrutura feita em material compósito pode servir para transportar pranchas de surf e bicicletas. Por dentro, há uma doca para o smartphone ou para a GoPro, uma luz auxiliar de leitura, um suporte para um bloco, um saco na zona dos pés do “pendura” e um kit de primeiros socorros encaixado na roll-cage posicionada atrás dos bancos.

Para conseguir enfrentar terrenos mais irregulares, este CX-T (CX é o nome da plataforma em alumínio do carro e T é alusivo a “trailing”) possui vias mais largas, um escape reposicionado e uma suspensão que lhe acrescenta 230 mm de altura ao solo face ao modelo convencional. Para o efeito, recebeu reforços nos braços inferiores da suspensão e proteções adicionais na zona inferior da carroçaria, além de arcos das rodas alargados. Apesar de ser um modelo 4×2, este Plus Four “radical” encaixa ainda o software do sistema de tração integral xDrive da BMW. Através dele tem à disposição três modos de condução: Road (que desbloqueia o diferencial no eixo traseiro), All-Terrain (que distribui 45% da potência no eixo posterior) e Extreme (que bloqueia o diferencia traseiro e que se destina a pisos propensos a perdas de tração). Além disso, a última relação de caixa é mais curta de modo a conseguir lidar melhor com os pneus de todo o terreno.

O CX-T já está disponível para encomenda com os preços a começarem nos 235 mil euros. Será produzido no final do ano.

Deixe uma resposta

*