Smart diz adeus ao Forfour

Smart EQ Forfour

Utilitário elétrico de quatro lugares dará lugar ainda este ano a um novo SUV “zero emissões”.

A Smart está em fase de transição e, como tal, descontinuou o Forfour. Segundo a Electrive, o utilitário, disponível desde 2017 apenas em formato elétrico, deixou de ser produzido na fábrica em Novo Mesto (na Eslovénia) no final do ano. Apesar disso, o “irmão” Renault Twingo Z.E continuará a ser produzido. Recorde-se que o Forfour recebeu um “facelift” em 2019 (na imagem), contando com um motor de 82 cv e uma bateria de 17,6 kWh a proporcionar um alcance até 153 km (WLTP).

A decisão de descontinuar o Smart de quatro lugares deixa em catálogo, nesta fase, apenas o Fortwo – o citadino de dois lugares que está disponível apenas numa versão com selo EQ “zero emissões”, com opção de formato “hard-top” ou descapotável.

Agora com a chinesa Geely a bordo dividindo em partes iguais a propriedade da Smart com a Mercedes-Benz, a marca prepara-se para uma mudança de rumo. A Mercedes-Benz assumirá a responsabilidade do design dos novos modelos e a Geely ficará encarregue da engenharia e da sua produção em solo chinês. Apesar de continuar como emblema dedicado a carros 100% elétricos, a Smart vai apostar ainda este ano num SUV/crossover elétrico de dimensões aproximadas às de um Mercedes-Benz EQA que foi antecipado pelo Concept #1 mostrado em setembro passado no Salão de Munique (na Alemanha). Este modelo evoluirá a partir da plataforma SEA da Geely.

Deixe uma resposta

*