Hennessey Venom F5 vai ser mostrado ainda este ano

Hennessey Venom F5 View Gallery 16 photos

Hipercarro de 1817 cv é um dos principais pretendentes ao título de carro mais rápido do mundo.

O projeto do Hennessey Venom F5 foi anunciado há seis anos (e mostrado há três em formato protótipo), mas o certo é que ainda não se viu a versão de produção do hipercarro. Contudo, não será preciso esperar muito mais tempo pois a estreia da versão final do GT está prometida até ao final de 2020. A promessa foi dada pelo próprio John Hennessey durante uma entrevista dada ao podcast Drive On, embora não tenha apontado uma data específica. A première do F5 estava inicialmente apontada para agosto para o Concurso de Elegância de Pebble Beach. Devido ao cancelamento do evento, a estreia foi empurrada para novembro. Mas, a pandemia da Covid-19 obrigou a Hennessey a novo adiamento. O responsável máximo do fabricante/preparador norte-americano garantiu ainda que o primeiro exemplar está quase pronto e funcional. Esta primeira unidade do Venom F5 iniciará os testes oficiais no arranque de 2021.

O plano é construir 24 unidades do hipercarro (12 delas destinadas para os EUA e outras tantas para os restantes mercados). Cada unidade custa 1,4 milhões de euros. O Venom F5 possui um chassis em fibra de carbono (de apenas 86 kg), desenvolvido pela própria Hennessey, pesa 1338 kg (pouco mais do que um Ford Fiesta) e possui uma carroçaria aprimorada aerodinamicamente (com um coeficiente de 0,33). A motivação deste hipercarro de tração traseira é proveniente de um motor V8 7.6 biturbo responsável por 1817 cv às 8000 rpm e 1617 Nm às 5500 rpm, que surge acoplado a uma caixa semiautomática de sete velocidades. O tempo de 0 a 100 km/h ainda não foi divulgado, mas o F5 promete chegar aos 300 km/h menos de 10 segundos!

Não é segredo que um dos intentos de John Hennessey é que a sua criação consiga ultrapassar a barreira dos 500 km/h de velocidade máxima – marca que oficialmente ainda não foi batida por nenhum modelo de produção, apesar da tentativa recente do SSC Tuatara (a repetir nas próximas semanas). Além disso, promete bater “confortavelmente” o recorde 0-400-0 km/h abaixo da barreira dos 30 segundos – sendo que a melhor marca foi obtida pela Koenigsegg Regera com 36,44 segundos.

Deixe uma resposta

*