BMW estreia i4 com roupagem M Sport

BMW i4 M Sport View Gallery 8 photos

Versão desportiva do “gran coupé” de quatro portas elétrico tem 530 cv.

Um mês depois de revelar o i4 convencional (um concorrente do Tesla Model 3 que chegará à Europa no outono), a BMW apresentou no Salão de Xangai, na China, a versão M Sport. Apesar de não ser uma versão M Performance, o i4 M Sport surge com um visual mais desportivo com 530 cv debitados de dois motores (um por eixo)/tração integral xDrive, o que lhe permite acelerar de 0 a 100 km/h em quatro segundos e atingir uma velocidade máxima a rondar os 200 km/h. O modelo elétrico vem equipado com um pack de baterias de 80 kWh (e de 550 kg) que lhe permite um alcance até 590 km (WLTP).

Esta versão do modelo elétrico de quatro portas segue a mesma linha do Concept i4, caraterizando-se pelas jantes e travões maiores (com pinças em azul), kit estético mais agressivo, pelos apontamentos em azul na carroçaria, incluindo na grelha sobredimensionada, e pelo para-choques redesenhado, com entradas de ar maiores, em forma de V e com apontamentos cromados. Existem também jantes aerodinamicamente otimizadas e atrás decorações em azul no lugar normalmente ocupado pelas ponteiras de escape, além dos farolins afilados. Por dentro, o ambiente é similar ao do SUV iX, predominando os acabamentos em alumínio e carbono.

O i4 é uma adaptação do Série 4 Gran Coupé, que será mostrado em breve. Aliás, este novo i4 partilha muita da sua tecnologia com o Série 3 e Série 4, com os quais partilha a sua plataforma CLAR II. Além da versão de 530 cv, haverá o i440 de tração traseira com 330 cv (e opção com função overboost) e, mais tarde, a versão base i435 com 280 cv. O i4 foi concebido para carregar até 150 kW, o que lhe permite numa tomada rápida encher até 80% da bateria em cerca de 35 minutos ou obter o equivalente a 100 km em sensivelmente seis minutos de “encosto”. O i4 estreará a nova interface iDrive, com um ecrã maior e tátil, disposto na horizontal. Além disso, o modelo elétrico vem equipado com tecnologia de condução autónoma de nível 3 – o que possibilita circular em autoestrada sem intervenção do condutor.

Deixe uma resposta

*